Casos de Sucesso

Back to sectors

Um robô que limpa os tanques de crude


Desde 2004, a TOTAL tem utilizado o “non-entry process” da Veolia para a limpeza e desgaseificação de tanques de crude suas instalações na Europa.

Um processo único

O “non-entry process” automatizado, da Veolia, cumpre três principais necessidades da TOTAL de uma só vez: melhora as condições de HSEQ (health, safety, environmental and quality), reduz custos e minimiza o impacto ambiental da empresa.

Em primeiro lugar, o processo protege a saúde e a segurança do pessoal, assegurando que não estão expostos a produtos e atmosferas perigosas. Além disso, garante igualmente a segurança nas instalações do cliente.
Ajuda a preservar o ambiente, reduzindo fuga de gases para a atmosfera através de um processo de limpeza em circuito fechado, e com captura de até 90% dos resíduos encontrados no tanque. A Veolia pode determinar o volume e localização destas lamas com antecedência, através de um processo de medição acústica. A qualidade do produto recuperado é testada antes de ser reinjetada no processo de produção da Total.

O serviço requer a metade do tempo de um processo convencional, para a entrada tripulada no tanque. Como resultado, a produtividade é aumentada e a TOTAL pode utilizar os seus tanques com maior frequência.

INOVAÇÕES DA VEOLIA NO PROCESSO “NO-ENTRY”

A Veolia introduziu, pela primeira vez, o seu processo de não-entrada automatizada na TOTAL, em 2006, para limpar tanques (degas) para crude leve (o processo Manway Cannon).

Em 2009, a Veolia desenvolveu e patenteou um processo de não-entrada (no-entry process) à base de um robot para limpeza e desgaseificação de combustível em tanques nas estações de serviço da TOTAL.

Jean-Luc Robin
Diretor Geral Adjunto, SARP, Veolia Environnement

"As condições de segurança extremas necessárias para este tipo de instalação exigem uma experiência única."

 Vantagens para o cliente

  • Poupar tempo: tempo de inatividade do tanque praticamente reduzida pela metade
  • Recuperação de até 90% das lamas
  • Proteção ambiental
     

    47 tanques, no total de todas as refinarías

    Segurança de pessoas e instalações

    31 tanques limpos e desgaseificados para a TOTAL desde que o contrato foi assinado em 2004