Casos de Sucesso

Back to sectors

Economia circular para indústrias de celulose


Valorizando os resíduos minerais do processo industrial da Fibria.

O ciclo de produção da celulose gera resíduos minerais. O dregs, grits, cinzas e lama de cal são resíduos inertes, habitualmente enviados à aterros sanitários.

A Veolia desenvolveu para a Fibria, a principal produtora de celulose do país um processo de transformação que passa pela secagem, tratamento e armazenamento dos resíduos da produção da celulose: dregs, grits, cinzas e lama de cal para um corretivo de acidez de solo.

Expertise Veolia Brasil a serviço da indústria de papel e celulose para o desenvolvimento de um processo único com reaproveitamento de 100% dos resíduos minerais gerados do processo de produção.

O corretivo desenvolvido tem as características ideais de PH e nutrientes necessários para a preparação do solo florestal favorecendo o crescimento de eucalipto e fechando assim o ciclo de valorização.
 
  • Fibria2

Em 2014, 29 mil toneladas de resíduos foram valorizadas por meio desse processo contribuindo para: diminuir a geração de resíduos enviados a aterros sanitários.
 

Diminuir geração de resíduos

Transformar resíduos em matérias primárias e secundárias

Otimizar o crescimento das florestas