22 march 2017

Veolia no centro do Dia Mundial da Água

O relatório das Nações Unidas “Águas residuais: o recurso inexplorado”, foi apresentado no dia 22 de março, em Durban, África do Sul, durante o Dia Mundial da Água. A UNESCO considera que a Veolia é chave para este acontecimento, já que reutiliza 98% das águas residuais produzidas por esta cidade, localizada na costa da África do Sul.

Melhorar o acesso da população local à agua potável e reutilizar as águas residuais da cidade para a indústria local é a solução mais adequada para a adaptação a mudança climática. A Veolia implementa e desenvolve em Durban, por meio de uma parceria público-privada (PPP), o primeiro contrato com a África do Sul.

Após o tratamento, as águas residuais são utilizadas pelas indústrias locais em seus processos de produção. Este mecanismo reduz o volume de água extraída do meio ambiente e economiza recursos de água doce para a produção de água potável. Com o resultado, um total de 40.000 m3 de água potável por dia são disponibilizadas para os moradores da cidade, que é o equivalente a 11 piscinas olímpicas.

 As águas residuais, tema do Dia Mundial da Água 2017, fazem parte dos negócios cotidianos da Veolia, uma vez que o Grupo atende a 63 milhões de pessoas em todo o mundo, conectadas a um sistema de 3.303 plantas de tratamento de águas residuais e recicla 371.500.000 m3 de águas residuais.